Sindicalize-se agora!
17 de outubro de 2019
MENU 11 3363.3310

21 de setembro de 2011

Imprimir

Seguro-desemprego só para quem estiver procurando recolocação profissional.

Essa é a meta do Ministério do Trabalho ao lançar o Programa Mais Emprego, que entra em funcionamento no Estado de São Paulo no próximo dia 12. O objetivo é combater fraudes e tornar mais ágil a volta ao mercado de trabalho.

O programa é capaz de cruzar dados e auxiliar o trabalhador a encontrar uma vaga disponível na cidade do desempregado. Segundo o diretor do Departamento de Emprego e Salário do ministério, Rodolfo Torelly, o Mais Emprego permite pagar o benefício apenas para quem deseja se recolocar profissionalmente.

“No mundo todo é assim. Em países como a França, a pessoa só recebe o benefício se estiver procurando vaga no mercado. A lei que regulamente o seguro-desemprego já prevê que o governo federeal pague o beneficio, mas faça a recolocação do trabalhador no mercado e promova a qualificação profissional”, explica.

A lei citada determina a suspensão do pagamento do benefício caso o trabalhador obtenha uma vaga. A legislação também estabelece o cancelamento do pagamento caso o trabalhador recuse o emprego condizente com o seu perfil profissional ou em caso de fraude.

Busca On-line

O sistema, no momento do requerimento do seguro-desemprego, vai pesquisar vagas com o mesmo salário ou maior do que ele tinha, além de incluir na busca oportunidades de emprego perto da casa dele.

Para cada oferta recusada o desempregado será obrigado a assinar uma carta afirmando que abriu mão  e explicando o motivo. O sistema reconhecerá, automaticamente, que recusou vagas por três vezes seguidas. O documento, então, será utilizado como prova para o cancelamento do benefício. A negativa só será aceita em caso de curso s ou doença.

Seguro é pago em até cinco parcelas

O seguro-desemprego é pago em até cinco parcelas, de acordo com o tempo de registro em carteira a quem foi dispensado sem justa causa ou sofreu dispensa indireta, que ocorre quando o empregado solicita judicialmente a saída do trabalho alegando que o empregador não está cumprindo o contrato. O valor das parcelas varia de um salário mínimo (R$ 545) a R$ 1.019,70.

Portal na web permite acompanhar vagas

Pelo Portal Mais Emprego, o trabalhador poderá fazer consultas, obter informações sobre seu benefício, elaborar e imprimir o currículo, obter informações sobre abono salarial e acompanhar o seu processo de recolocação profissional.
 

Fonte: Força Sindical

 

Mais notícias

16 outubro 2019

Bom dia CONTRASP

Edição 501 de 2 de janeiro de 2019. Acesse o link e confira as edições do boletim eletrônico da CONTRASP. Bom Dia CONTRASP
27 agosto 2019

Ação Coletiva: Mais um acordo é firmado pelo SEEVISSP

Informamos que os vigilantes que laboraram na IF3 Soluções em Segurança LTDA, em que foram constadas irregularidades, terão direito a receber uma indenização, proveniente de uma Ação Coletiva de Trabalho promovida pelo SEEVISSP em favor dos trabalhadores, pelo fato da empresa descumprir cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), ao não fornecimento de assistência médica […]
29 julho 2019

13º de aposentados do INSS deve sair no mês que vem

O decreto que antecipa para agosto o pagamento da primeira parcela do 13º salário de aposentados e pensionistas do INSS já está pronto para ser assinado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), que aguarda conclusão de estudo sobre a disponibilidade orçamentária para autorizar os créditos. A segunda parcela do bônus está programada para ser paga em […]
27 junho 2019

Dieese analisa relatório sobre PEC 06 e publica Nota Técnica

O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos faz análise detalhada do relatório apresentado pelo deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) sobre a PEC 06/2019, editada por Jair Bolsonaro. Para Clemente Ganz Lucio, diretor-técnico do Dieese, houve avanços, mas é preciso estar atento. “Governo e ministro Guedes já sinalizaram que não vão aceitar as mudanças. E podem […]
+ Notícias

Jornal SEEVISSP

INFORMATIVO DA SEGURANÇA PRIVADA – OUTUBRO/2019

Edição
Download Todas edições
Sede
LARGO DO AROUCHE, 307
SÃO PAULO/SP CEP 01219-011
11 3363.3310
Subsede
RUA ANDRÉ LEÃO, 64 - BAIRRO SOCORRO
SÃO PAULO/SP - CEP 04762-030
11 5696.6083